PT | EN
Corpo Docente
 
  CURSOS
  1.º CICLO - LICENCIATURA 19/20
  2.º CICLO - MESTRADOS 19/20
  3.º CICLO - DOUTORAMENTO EM DIREITO 19/20
  3.º CICLO - DIREITO E SEGURANÇA 19/20
  3.º CICLO - ESTUDOS DE GÉNERO 19/20
  CURSOS ESPECIALIZADOS
  PÓS-DOUTORAMENTO
  CONCURSOS E INSCRIÇÕES
 

REINGRESSOS E MUDANÇAS DE
PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

  CONCURSOS ESPECIAIS, MAIORES DE 23, TITULARES CURSO SUPERIOR
  ESTUDANTE INTERNACIONAL
  UNIDADES CURRICULARES
  DISSERTAÇÕES
  DATAS DAS DISCUSSÕES PÚBLICAS
  PROVAS DE AGREGAÇÃO
  DATAS DAS PROVAS
  OUTRAS INFORMAÇÕES
  PRÉMIOS - REGULAMENTOS
  CONTACTOS E LOCALIZAÇÃO
  CALENDÁRIO DO ANO LECTIVO
SPEED
MOOT COURTS
NOVA ESCOLA DOUTORAL
RUN - REPOSITORIO UNL
EIUC - MEMBER SINCE 2002
CAIXA IU
FDUNL MEMBERSHIP OF ELFA
UNCRC POLICY CENTER
NOVA SAÚDE
PAN-EUROPEAN SEAL
 
   
 
   
::
Ficha Bio-bibliográfica

RUI ENNES ULRICH
(1883-1966)

Nasceu no dia 20.04.1883 em Lisboa e foi, juntamente com Caeiro Matta, o melhor aluno da licenciatura de Direito da Universidade de Coimbra (iniciada em 1899 e concluída em 1904). Ainda enquanto estudante começou a mostrar um sólido conhecimento jurídico com duas dissertações: Estudos de economia nacional, vol. 1, Crises económicas portuguesas, Coimbra e Estudos sobre a condição legal das ordens e congregações religiosas em Portugal. De 1834 a 1901.
Em 1906 concluiu o doutoramento com a dissertação Do reporte no direito comercial português no mesmo estabelecimento de ensino superior.
De 1906 a 1910 foi professor da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, regendo a cadeira de Administração Colonial. Em 1910, após a proclamação da República demitiu-se, na sequência da chamada “Questão Académica”.
Em 1911 foi eleito vogal da Junta de Crédito Público, lugar que ocupa até 1914, ano em que começou a participar na administração do Banco de Portugal (até 1928). Foi igualmente membro da presidência da C.P. de 1922 a 1933 e da presidência da Companhia de Moçambique de 1920 a 1933.
Com a lei das incompatibilidades de 1928, Ruy Ulrich viu-se forçado a abandonar o Banco de Portugal.
Em 1933 foi nomeado embaixador em Londres mas pediu a sua exoneração em 1935.
De regresso a Lisboa, foi convidado a reger a cadeira de Economia Política na Faculdade de Direito de Lisboa, integrando também a comissão de redacção da Revista da Faculdade de Direito. Em 1937 foi nomeado director desta Faculdade e manteve-se nesse cargo até 1950, quando foi nomeado embaixador de Portugal, novamente em Londres (até 1953, ano em que atingiu o limite de idade).
Foi procurador à Câmara Corporativa da I à IV Legislatura (de 1936 a 1942) e fez parte do Conselho dos Suplentes do Pacto do Atlântico Norte desde a sua fundação(1950) até à sua extinção (1952).
Foi presidente da Companhia Nacional de Navegação a partir de 1936; Vogal da Junta Nacional da Marinha Mercante (1940); presidente do Centro de Estudos Económicos (desde 1944); administrador das Companhias Reunidas de Gás e Electricidade; administrador da Companhia de Caminho de Ferro de Benguela; administrador da Companhia de Seguros Ultramarina.
Fez parte de diversas sociedades científicas, como do Instituto Colonial Internacional; da Academia Diplomática Internacional; da Sociedade de Geografia de Lisboa (de que foi presidente) e sócio da Academia de Ciências de Lisboa (de que foi vice-presidente).
Recebeu diversas condecorações como a Grã-cruz da Ordem de Cristo, a Grã-cruz da Ordem de Sant’Iago da Espada e a Grã-cruz da Ordem da Coroa (Roménia).
Faleceu em Lisboa no dia 20.01.1966.

Principal Bibliografia:
•Estudos de economia nacional, vol. 1, Crises económicas portuguesas, Coimbra, 1902;
•Estudos sobre a condição legal das ordens e congregações religiosas em Portugal. De 1834 a 1901, Coimbra, 1905;
•Da Bolsa e suas operações. Coimbra, 1906;
•Estudos de Economia Nacional, vol. II, Legislação Operária Portuguesa, Coimbra, 1906;
•Ciência e Administração Colonial, Coimbra, 1908;
•Política Colonial Lições, Coimbra, 1909;
•Economia Colonial — Lições feitas ao curso do 4.° ano jurídico no ano de 1909, Coimbra, 1910;
•«Regime monetário colonial», in Boletim da Sociedade de Geografia de Lisboa, 1911-1912;
•Finanças coloniais, Coimbra, 1912;
•Teoria económica das reservas bancárias, Coimbra, 1914;
•«Colonizações ibéricas», in A questão Ibérica, Lisboa, 1916;
•Relações económicas luso-britânicas em mercados externos, 1936;
•Lições de Economia Política, vol. I, Lisboa, 1937;
•Economia Política (Moeda, preço, crédito), Lisboa, 1938;
•Transportes, 1938;
•«O caso da Cooperativa Auto-Mecânica de Portugal (parecer)», in Jornal do Fôro, ano 3, n.° 40, 1939, pp. 66-69;
•A antiga Bolsa do Porto, Porto, 1940,
•Crítica do Socialismo utópico dos idealistas e do socialismo revolucionário dos marxistas, separata de O Ocidente, Lisboa, 1940;
•Economia politica (Bancos de emissão, câmbios. comércio) Lições proferidas ao curso do /1º ano jurídico nos anos de 1938-39 e 1939-40, Lisboa, 1940;
•Os diplomatas do Portugal restaurado, Lisboa, 1940;
•Discurso na Academia das Ciências de Lisboa em homenagem ao Brasil, Academia das Ciências de Lisboa, Lisboa, 1941;
•«Sociedades anónimas e sua fiscalização (1940)», in Revista da Ordem dos Advogados, ano 1, n.° 1, 1941, pp. 14-27;
•Economia política (Repartição - Propriedade - Renda- Juro), 1943;
•Aspectos gerais do problema dos transportes em Portugal, 1945;
•Discurso na sessão da Academia das Ciências comemorativa do cinquentenário do governo colonial de António Enes, 1947;
•Introdução ao estudo do Economia Politica, 1947;
•Manipulações monetárias e preços Coimbra, 1948;
•Economia política — O salário, 1949;
•«Novas concepções em matéria de salários», in Revista do Faculdade de Direito do Universidade de Lisboa, vol. VI, 1949, pp. 7-26;
•«Doutor Manuel Rodrigues», in Revista da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, vol. VII, 1950, pp. 337-347;
•Economia política -- Os transportes, 1950;
•El-Rei Dom Manuel e o Marques de Soveral em Londres, 1954;
•Conferência, Vila Viçosa, 1954; A conjuntura económica actual de Portugal, 1954; Discurso na sessão comemorativa do centenário de Almeida Garrett na Academia das Ciências, 1954.

Raquel Sofia Lemos

   
 
 
 
DESTAQUES TESTEMUNHOS BIBLIOTECAS ÚTEIS  
Arquivo de Notícias e Destaques Professores Biblioteca Área de alunos
Envie-nos os seus elogios, sugestões ou reclamações!

 

Pontos de Vista Alunos Biblioteca digital Área de docentes
SPEED What they say Livraria virtual Moodle: E-Learning
Espaço Público     Guia de cursos
O Direito não é tudo NOVA ACESSO AO MAIL Links  
Colóquios Conferências Site da UNL Webmail Antigos Elementos de apoio
Avisos      
         
25-06-2019 03:52:50 - Faculdade de Direito Universidade Nova de Lisboa, Campus de Campolide, 1099-032 Lisboa | Copyright © 2007 IC Faculdade de Direito - U. N. L.